terça-feira, 20 de junho de 2017

Xuxa necessitou de um enlatado para ter pingo de dignidade na Record TV

Compartilhe
Xuxa Meneghel
Outrora desenganada por conta do fracasso de seu primeiro projeto na Record TV, a apresentadora Xuxa hoje pode respirar um pouco mais aliviada. O enlatado "Dancing Brasil"(Dancing with the Stars), formato que substituiu o sei lá o quê "Xuxa Meneghel", demorou para engrenar no início, mas tem conseguido garantir a segunda colocação na briga por audiência contra o "Máquina da Fama", de Patrícia Abravanel, no SBT e render bom faturamento. Até aqui (semi-final), o reality dançante já garantiu 8 vitórias contra o concorrente.

Méritos da Xuxa? Lógico que não! A ex-global não é sinônimo de audiência faz tempo. A atração, que tem a produção da Endemol Shine Brasil, com direção de Marcelo Amiky e direção geral de Rodrigo Carelli, tem seus méritos próprios. É bem produzido? Sim! O formato chama atenção? Claro! Até aquela outra versão, a porcaria do "Dança dos Famosos", do "Domingão do Faustão" chama atenção, que dirás a versão da Record TV, que cá entre nós, é bem melhor? O nicho competição de dança é atraente e agrada todos os públicos, assim como os realitys culinários.

Estar no comando do "Dancing Brasil" devolveu à Xuxa o resto de dignidade de que lhe faltava na TV. Deixa a mesma pensar que o sucesso, em parte, é por conta dela. Apresentar um programa do tipo, em que a função de Xuxa é ser uma mera coadjuvante, não seria problema nem mesmo para a tragédia chamada Sabrina Sato.

Xuxa deveria aproveitar ao máximo o embalo do "Dancing". Talvez, ela não tenha outra e melhor chance com um outro formato. Até aqui, a atração não pode ser considerada sucesso de público, mas vale pelo fato de derrotar a filha do Silvio Santos, algoz de Xuxa desde que ela trocou a Globo pela emissora dos bispos.

Em tempo... algumas observações:

1. O programa só não rende mais pela falta de personalidades níveis e grande visibilidade, tais como os que participam da versão lá na Globo.

2. Por que diabos a Record TV ainda insiste no Sérgio Marone?

3. E que vexame comemorar o primeiro lugar nos Trending Topics do Twitter, sendo que o programa nunca chegou a fazer cócegas na liderança em audiência na TV!

4. Xuxa estava lá no limbo, a ponto da mesma aceitar comandar um programa que não levasse seu próprio nome e crédito.
Compartilhe

Recomendamos