Band obriga Ricardo Boechat a ler editorial em defesa de Temer; jornalista fez desabafo

Por: Redação, 25/05/2017, 15h29
Ricardo Boechat
No "Jornal da Band" da última terça-feira (23), o jornalista e apresentador Ricardo Boechat foi forçado a ler um editorial em defesa do presidente Michel Temer, investigado por organização criminosa, corrupção e obstrução judicial.

Boeacht acabou sendo massacrado por seus seguidores nas redes sociais por "defender", em editorial da emissora, o governo Temer, que ele mesmo chama de corrupto.

No entanto, através de seu perfil oficial numa rede social, o jornalista fez um desabafo. Veja:

“Dos meus cinco irmãos, dois me esculhambaram no “grupo da família” (os demais ainda não se pronunciaram) por causa do editorial que li na Band terça-feira, 23 de maio, favorável a Michel Temer. A dupla consanguínea não está sozinha: foram, talvez, milhares as porradas nas redes sociais pelo mesmo motivo. A muitas já respondi diretamente, mas não conseguirei fazer o mesmo com as demais. Então, se me permitem, seguem algumas ponderações:“Editorial” assim está definido nos dicionários: “artigo (…) apresentando o ponto de vista do jornal, da empresa jornalística…”.
Sou âncora do Jornal da Band. Nele, há 12 anos apresento as notícias e os editoriais, sendo estes identificados por selo próprio no vídeo e pela assinatura “esta é a opinião do Grupo Bandeirantes de Comunicação”, oriundos da direção. Quem ouve meus comentários naquela mesma bancada ou na rádio BandNews FM sabe que inúmeras vezes – como agora – minhas posições conflitam com as da emissora. Os comentários estão arquivados, caso queiram conferir.
Atuo com absoluta autonomia, inclusive para divergir publicamente de meus patrões. Essa é a Band – e pergunto-lhes em que outra TV os profissionais gozam de igual condição. Na Globo? Na Record? No SBT? É imperativo que as empresas de comunicação deixem claras suas opiniões institucionais – e o meio de fazê-lo são os editoriais. Mesmo na idiotizante briga de torcida que domina o debate nacional, talvez fosse útil refletir sobre os méritos de redações onde jornalistas se sintam seguros para dizer o que está dito neste post“.


Veja também:
Conheça o passado de Cláudia Cruz, mulher de Eduardo Cunha

A seguir, confira o editorial:

Tecnologia do Blogger.