Racismo e preconceito no "BBB17"? Polêmicas começaram cedo

Por: Redação, 26/01/2017, 23h11
Gabriela Flor 
Logo nesta primeira semana da 17ª edição do "BBB", as polêmicas já estão tomando conta da casa e refletindo nas redes sociais. O jeito da baiana Gabriela Flor não tem agradado algumas pessoas lá dentro.

A participante Mayara, por exemplo, já deixou claro que a dançarina é sua primeira opção de voto para o Paredão e avisou que se bater de frente com ela vai mandar a moça “alisar o cabelo”. A frase de cunho racista despertou o repúdio na internet.

Um dos gêmeos, Antônio, também fez um comentário infeliz ao falar sobre Gabriela. "Ela é baiana, pode ser macumbeira", disparou ele, causando ainda mais polêmica. O público logo apontou intolerância religiosa e preconceito.

Por aí, já temos ideia de quem logo irá rodar.

Em tempo:
Antônio também fez comentários sobre a forma de dança de Gabriela. "Ela acha que vai seduzir quem? Está ridículo", diz o gêmeo. Manoel, seu irmão, acrescentou: "O cabelo dela parece o do Valderrama", fazendo referência ao jogador de futebol da Colômbia.

Leia mais

Tecnologia do Blogger.