Por que as concorrentes da Globo ficam com os restos dela?

Por: Márcio Andrade, 30/12/2016, 23h20
O que vou escrever aqui não se trata de nenhuma novidade para quem, como eu, acompanha os bastidores da televisão. E, independente de qual emissora seja, é triste ficar vendo essa situação.

Vocês devem saber que a Globo possui contrato de exclusividade com as maiores e melhores produtoras e distribuidoras de filmes do mundo: 20th Century Fox, The Walt Disney Company, Warner Bros (recentemente, deixando de ser “matriz” do SBT), entre outras.

Obviamente, comprando seus direitos de exibição, ela exibe-os; fazendo sucesso, a mesma reprisa-os, os quais ficam mais desgastados que “periquita” de atriz pornô, tipo “A Lagoa Azul”. E qual é o problema?

Chega a hora, por um motivo ou outro, a Globo se cansa desses filmes. O que acontece? Ela não renova seus direitos e estes ficam livres para suas concorrentes comprarem. “Ah, mas existem muitos filmes bons no portfólio dessas produtoras!” Sim. Concordo. Entretanto, onde fica a autoestima dessas emissoras?

É a mesma coisa de ficar com uma cueca usada de seu irmão mais velho, lembrando uma piada de “TWO and a half MEN”; ou, herdar as roupas velhas de seu irmão mais novo, lembrando uma piada de “Todo Mundo Odeia o Chris”. Mudam-se os enredos, porém, a vergonha continua a mesma.


Tecnologia do Blogger.