Simples informações fazem falta no "Jornal Nacional"

Por: Luan Costa e Silva, 24/11/2016, 21h07

O jornalismo da Globo peca pela falta de simples informações. Nesta quinta-feira (24), o "Jornal Nacional" noticiou brevemente, por um milagre, a tragédia que matou 10 pessoas e feriu 13 numa explosão que aconteceu durante a reforma irregular de uma farmácia no Estado da Bahia.

Milagre por que para o "Jornal Nacional" a região Nordeste quase não existe. "Nacional" pra quê? Se esta tragédia ocorresse na região Sul ou Sudeste, certamente seriam uma, duas ou três matérias carregadas de informações durante uma, duas ou três edições no principal telejornal.

Ao noticiar o fato, Bonner disse que o acidente ocorreu na região metropolitana de Salvador, mas não disse onde de fato aconteceu. Quem conhece esta região sabe que ela é imensa, composta por inúmeras cidades. Até na reportagem, conduzida pelo gabaritado repórter especial Genildo Lawinscky, da afiliada TV Bahia, o exato local não foi mencionado. Notícia incompleta. Telespectador deve ter voado. A tragédia aconteceu na cidade de Camaçari, importante pólo industrial da referida região.

Apesar das imagens da faixada, também "esquecerem" de mencionar e destacar o nome da rede de farmácias envolvida com a tragédia. Sabe-se lá por que, né? A Pague Menos é patrocinadora "master" de programas de jornalismo na EPTV, afiliada da Rede Globo no interior de São Paulo e no Sul de Minas.

Leia mais

Tecnologia do Blogger.