Geraldo Luís joga balde de água fria na direção da Record

Por: Luan Costa e Silva, 24/10/2016, 10h44
Geraldo Luís
Nas últimas semanas, circularam rumores e quase certeza de que Geraldo Luís deixaria os domingos da Record para assumir um programa diário a fim de fortalecer a linha de show noturna da emissora e bater de frente com o SBT.

Com a dança das cadeiras, na nova programação de 2017, Xuxa e Gugu migrariam para o sábado e domingo, respectivamente.

De olho no potencial de Geraldo Luís, a direção da Record devia estar bem empolgada com as mudanças. Porém, o "contador de histórias" declinou, jogando um balde de água fria nos planos da Record.

Segundo o jornalista Flávio Ricco, na última semana, Geraldo Luís informou ao vice de jornalismo, Douglas Tavolaro, sua decisão de não aceitar o convite para fazer um programa diário. O apresentador alegou motivos pessoais e familiares. 

Ainda segundo a publicação, nem adianta os bispos oferecerem mais dinheiro, Geraldo decidiu que não pretende sair do domingo. Sobrou também para o Gugu.

A decisão de Geraldo é válida? Sim. É bom lembrar que o apresentador fracassou quando comandou um programa diário nas tardes da emissora em 2009. O "Geraldo Brasil" foi um relâmpago na programação da Record, durou apenas 5 meses. 

Também, com uma atração de segunda à sexta, haveria grandes chances da imagem de Geraldo Luís sofrer desgaste, já que ele e seu programa é do tipo apelativo e facilmente cansativo. Além da carga de trabalho dobrar, outro fator a ser levado em conta é que Geraldo consolidou audiência aos domingos e mudanças acarretam riscos.

Conclusão curta: menos lixo na TV aberta.
Tecnologia do Blogger.