Se Xuxa migrar para o sábado à tarde, seria pior?

Por: Guiga Bates, 07/09/2016, 12h08
Xuxa
É de chamar atenção a paciência e teimosia que a Record mantém quando o assunto é o programa de Xuxa. Desde a estreia em agosto de 2015, são evidentes as provas de que o programa nunca conseguirá emplacar às segundas-feiras.

Mesmo assim, a direção insiste em segurá-la num dia tão difícil. Até quando Xuxa continuará sofrendo no terceiro lugar em audiência? O formato e conteúdo da atração é ruim, a própria apresentadora, por si só, não tem mais força para atrair grande público. Até os telespectadores da Record parecem correr da Xuxa.

Tá mais que provado que às segundas-feiras, no horário, quem impera é a tradicional sessão de filmes da Globo, o "Tela Quente" e alguma produção extra, tal como a atual "Justiça". No embate, ainda tem os maiores algozes de Xuxa: "Programa do Ratinho", mostrando sua força já consolidada; seguido pela Patrícia Abravanel, com seu programa tosco. É um milagre sobrar alguma migalha.

Não haveria outro dia menos massacrante em que Xuxa pudesse pelo menos tentar beliscar a vice-liderança? Tem a faixa vespertina aos sábados. Segundo informa a coluna do jornalista Flávio Ricco, se dependesse da apresentadora e de sua equipe, o programa já teria saído das noites de segunda faz tempo. Por outro lado, a Record está temerosa quanto a mudar de dia. A direção acha que, migrando para o sábado, o resultado poderia ser pior.

Vale lembrar que, no fim de semana, Xuxa concorreria com outra atração tão ruim quanto a dela, o "Programa Raul Gil", no SBT (vice-líder consolidado a seis meses) e sofrer com Angélica ou "Luciano Huck", a depender do horário.

Enquanto a decisão continua emperrada, a apresentadora e a Record deveriam se preocupar urgentemente com a qualidade do "Xuxa Meneghel". Até hoje, o público não sabe dizer o que realmente se trata a atração. No atual formato faltam boas ideias, pautas, convidados, quadros, por sua vez, audiência.

Aproveite e curta nossa fanpage no Facebook
Tecnologia do Blogger.