SBT troca impeachment por fofoca do MC Biel

Por: Guiga Bates, 31/08/2016, 16h28
Repórter do SBT em link ao vivo no fórum da Barra Funda abordando a audiência do caso MC Biel
O SBT adotou uma postura "neutra" em relação aos desdobramentos políticos do país. Toda vez que ocorre um fato de real importância, por audiência e incompetência, o canal deixa passar batido.

Por exemplo, em abril, na votação do processo de impeachment contra a então presidente Dilma Rousseff, diferente das concorrentes, a emissora ignorou o fato e exibiu sua programação normal. Nesta semana, de volta ao drama da ré, o SBT novamente não deu a mínima quando Dilma fez seu discurso de defesa no Senado.

Neste 31 de agosto, o Senado Federal cassou o mandato da agora ex-presidente Dilma Rousseff, por 61 votos a 20. Enquanto as outras emissoras, como a Globo, Record e Band cobriram o fato em dia histórico, o SBT, absurdamente, preferiu exibir mais uma edição do "Fofocando".

Em vez de dar atenção ao impeachment, o SBT estava ao vivo no Fórum de Justiça de São Paulo, cobrindo uma audiência do cantor Biel, acusado de assédio sexual contra uma jovem jornalista. Que emissora de quinta! O caso do funkeiro é mais importante que a situação do país, segundo o SBT.

Inacreditável como um veículo de tamanho porte, entre as cinco maiores da TV aberta e vice-líder no ranking de audiência no país, deixou o fato passar em branco no ápice do acontecimento. Nem sequer um plantão sobre o impeachment. 

O SBT é a prova viva da infantilidade, alienação, descaso e desinteresse pela informação e pelo país. A partir daí, podemos projetar o tamanho do cérebro da direção do canal.

Em tempo:

A RedeTV! também não entrou com um plantão já que o horário é vendido para a Igreja Universal do Reino de Deus. Eis outra vergonha da televisão brasileira.

Aproveite e curta nossa fanpage no Facebook
Tecnologia do Blogger.