Record tira onda de gostosa, mas cobrirá Olimpíadas direto da calçada, no relento

Por: Guiga Bates, 31/07/2016, 15h06
Adriana Araújo
Bem diferente das Olimpíadas de Londres 2012, a Record que tirava onda de maior gostosa, e que até hoje ainda se acha, se vê apertada ao ter que dividir a exclusividade dos Jogos Olímpicos da Rio 2016 com a Globo e Band, na TV aberta.

Enquanto sua grande inimiga exibe um mega estúdio panorâmico de 500 metros quadrados e três andares, a ponto de deixar a americana NBC morta de inveja, a equipe da Record cobrirá os jogos direto da sarjeta, ou melhor, em cima do meio fio da calçada.

Até agora, não há informações de algum estúdio sendo montado no Parque Olímpico para auxiliar os profissionais da emissora dos bispos.

Detalhe! A própria enche a boca e dispara: "emissora oficial".

Nas últimas edições do "Jornal da Record", a âncora Adriana Araújo, coitada, aparece no relento e no frio ao cobrir o evento. Certamente, a equipe disputará espaço com os ambulantes no calcadão. Tomara que caia um pé d'água justamente numa entrada ao vivo. Quem sabe assim a emissora aprende.

Que pobreza, Record! Até o Esporte Interativo, da Turner, mesmo sendo o único canal esportivo sem os direitos de transmissão do evento, preparou um moderno e panorâmico estúdio na frente do Parque Olímpico.

Veja a seguir, o estúdio invisível da Record, direto do Rio:

Aproveite e curta nossa fanpage no Facebook


Em tempo:

Neste domingo (31), o "Esporte Espetacular", da Globo, abriu a manhã direto do Parque Olímpico. Alex Escobar e Glenda Kozlowski inauguraram o Estúdio Olímpico, que será a casa da emissora e o camarote do público para os Jogos Rio 2016. Veja:




Confira também o estúdio do canal Esporte Interativo:


Tecnologia do Blogger.