Olimpíada garantirá isenção fiscal a Globo

Por: Redação, 20/07/2016, 18h48

A Rio-2016 garantirá isenção fiscal para um total de 780 entidades e empresas. Entre elas, a Globo.

As isenções se restringem aos serviços ou produtos usados pelas empresas ou entidades para os Jogos Olímpicos, entre janeiro de 2013 e 2017. Cada empresa passa a ter o direito a não pagar os impostos a partir do momento em que a Receita a inclui na lista.

De acordo com informações divulgadas pelo jornalista Rodrigo Matos, do portal UOL, a Globo Comunicações foi incluída na lista da Receita em maio do ano passado como prestadora de serviços e transmissora oficial do evento.

Ainda segundo a publicação, a emissora informou que o pagamento da importação de equipamentos também está isento e que os ganhos com publicidade não estão livres de impostos. Com cotas de R$ 255 milhões, a Globo ganhará R$ 1,5 bilhão só em propaganda direta com os Jogos.

Em tempo:

Em 2013, a presidente afastada, Dilma Rousseff, sancionou a Lei 12.780 aprovada pelo Congresso que concedia isenções fiscais ao Comitê Olímpico Internacional e ao Rio-2016, incluindo fornecedores de serviços e patrocinadores do evento. É uma exigência do COI ao país-sede, compromisso firmado na candidatura do país, e praxe em outras edições.
Tecnologia do Blogger.