Bial, Leifert, Dahoui e Tiago: vai que cola!

Por: Guiga Bates, 19/07/2016

As principais emissoras de TV estudam promover mudanças significativas na programação. No embalo, alguns apresentadores surgirão e outros poderão ser remanejados ou promovidos. A questão é: será que as investidas darão certo?

Na Globo, cogita-se escalar Pedro Bial no lugar de Jô Soares. Não seria uma má ideia. Melhor que o Adnet. Ao longo dos anos, Bial se tornou a cara da apresentação do "Big Brother Brasil", mas sua capacidade vai além do que apresentar um reality do tipo. Sempre achei um desperdício o Bial se limitar ao BBB durante todos esses anos. O que não faz R$ 3 a 5 milhões na conta.

O formato de entrevistas cairia como uma luva nas mãos do jornalista. Seu desempenho no "Na Moral" não deixa dúvidas de que ele seria "o cara" para um talk show nível. A parte do humor, certamente, não seria seu ponto forte. Por outro lado, seu intelecto se aproxima do Gordo. Vale a pena tentar.

Saindo o Bial, quem poderá comandar a nave do BBB é o Tiago Leifert, atualmente no "É de Casa" e visto periodicamente no "The Voice Brasil". O rapaz não é um Bial da vida. Mas é popular, engraçadinho e carismático. Cá entre nós, para apresentar um BBB não precisa de muitos requisitos. O básico, experiência no ramo e aprovação do público Tiago já tem. Vai dar certo!

Danielle Dahoui
Mudando de canal... o SBT trocou o comando da quarta temporada do reality show “Hell’s Kitchen - Cozinha sob Pressão". Carlos Bertolazzi foi afastado e no lugar entra uma mulher, Danielle Dahoui, dona dos restaurantes "Ruella. Pela cara, a nova Chef parece ser um diabo na cozinha. Só depois para avaliar.

Sinceramente, detesto o “Hell’s Kitchen". Um dos realitys gastronômicos mais desnecessários e sádicos da TV. Só em lembrar dos xingamentos e intimidações pesadas do Bertolazzi, querendo ser um Gordon Ramsay, sinto agonia. Uma pessoa que se submete aquela humilhação... sei não, viu! Aliás, a audiência não é lá essa belezura. As duas últimas temporadas cravaram desanimadores 6.0 pontos de média. Se a entrada da Chef der errado, adeus “Hell’s Kitchen".

Ainda no SBT, o nome de Tiago Abravanel surge como o possível sucessor do Sílvio Santos, seu avó. Se realmente for para ocupar a vaga, que comece logo os preparativos junto ao público do SBT. Qualquer coisa menos a Patrícia. O neto do patrão é um verdadeiro showman: canta, dança, atua, apresenta... Completo. Mais natural que aquilo, impossível. Nada contra!

Basta saber se a emissora pretende rejuvenescer-se com a entrada do Tiago e se tem espaço para seu multi-talento. Se for pra tocar aquelas merdas velhas e ultrapassadas que a direção do SBT insiste em manter atualmente, que o moço permaneça e faça carreira lá na Globo.

Thiago Abravanel
E aí, você concorda com futuras e prováveis escalações?
Tecnologia do Blogger.