Recentes

Tecnologia do Blogger.

Super produção da Record não tem forças

quinta-feira, 30 de junho de 2016
Por: Vitor Nobre, 30/06/2016
Pedro Carvalho e Gabriela Moreira protagonistas de "Escrava Mãe"
Se a Record acreditava que podia bater outra trama da Globo colocando “Escrava Mãe” na disputa, estava enganada. A emissora dos bispos, que se divertiu as custas da ex-platinada enquanto a via perder a liderança em seu principal horário no ano passado, hoje se depara com a trama de Gustavo Reiz perdendo em alguns confrontos para uma novela mexicana do SBT.

A emissora de Sílvio Santos até tratou de dar uma atrasada no “SBT Brasil” para tirar uma casquinha do folhetim. Enquanto isso, “Haja Coração” continua batendo recorde atrás de recorde. 

Na quarta-feira (29), enquanto “Haja Coração” fechou como a segunda novela mais assistida do dia, “Escrava Mãe” decepcionou, fechando com menos audiência que a reprise mofada de “Carrossel”. 

Com meta de 10 pontinhos, a Record mostra a confiança que tinha na história da mãe de Isaura. Depois de adiar a trama por várias vezes e trocar o horário previsto, a emissora estipulou meta de novela infantil para uma super produção épica, filmada em 4k. A reprise da fracassada “Dona Xepa” tinha meta de 7 pontos. Vamos combinar, né? Tá, o plano da Record deu certo! 

Ninguém pode taxar "Escrava" como fracasso, até porque a meta está aí para contrariar. Mas, se a trama foi colocada no horário das sete para incomodar a novela da Globo, a Record se equivocou colocando uma meta tão baixa. Para incomodar uma trama que tem meta de 25 pontos, a direção do canal deveria esperar mais do seu produto. 

O fato é: "Escrava Mãe" não é um fracasso, é uma decepção. Com uma meta baixa, até para os padrões da Record, a Globo não tem o que se preocupar.

Recomendamos para você