"Haja Coração" pode ser um grande acerto ou um grande erro?

Por: Júlio Henrique, 02/05/2016
Mariana Ximenes (Tancinha) é filha de Francesca, vivida por Marisa Orth em "Haja Coração"

A próxima novela das sete, "Haja Coração", faz uma releitura de "Sassaricando", trama de Silvio de Abreu, exibida pela Globo em 1987, e está prevista para ir ao ar dia 30 de maio. Mas, será que a novela conseguirá manter os indícies astronômicos de “Totalmente Demais”?

Confira a seguir os prós e contras de "Haja Coração":

Um grande erro
- Sem apelo jovem
A trama deixará de lado o público jovem advindo de "Malhação". Há alguns anos, a faixa das sete vem apostando no público mais jovem para turbinar a audiência. Novelas como “Sangue Bom”, “Geração Brasil”, “I Love Paraisópolis” e “Além do Horizonte” tiveram certo apego nesse sentido, como “Totalmente Demais” tem. Diferente de “Haja Coração” que retomará o estilo das tramas dos anos 80/90, o chamado pastelão, como o remake de “Guerra dos Sexos” que trouxe de volta, sem sucesso, este estilo na faixa. Será que “Haja coração” não perderá uma parcela do público?

- Texto ruim
Nenhum texto melhora do dia para a noite. O texto do autor Daniel Ortiz em sua primeira novela (Alto Astral) era sofrível, genérico e artificial. Situações como filha procurando mãe sem fazer exame de DNA, vilã chantageando mocinha por uma besteira, vilã com barriga falsa... deixam a trama previsível demais, o telespectador sempre sabe o que vai acontecer.

- Direção infantilizada
A trama é dirigida por Fred Mayrink, para quem não sabe, pupilo do Jorge Fernando. Será que Fred seguirá o exemplo de Jorginho e deixará tudo com cara de novela infantil? Pelo menos a trilha sonora divulgada é bem razoável.

Um grande acerto

- História clichê
Está mais do que provado que histórias clichês agradam o telespectador, tal como “Eta Mundo Bom!” e “Totalmente Demais”. O público médio sempre aceita positivamente novelas como “Alto Astral”. No entanto, o clichê tem que ser bem contado, porque sete meses de barriga falsa, chantagem e "Boa noite, Cinderela", ninguém engole.

- Saudosismo
"Haja Coração" faz uma releitura de "Sassaricando", trama de Silvio de Abreu, exibida pela Globo em 1987, utilizando tramas e personagens de outras novelas do autor. Muita gente deve ligar a TV para relembrar os velhos tempos.

- Em geral, um bom elenco
Tirando Malvino Salvador (canastrão), a novela terá bons nomes como Mariana Ximenes, Malu Mader, João Baldasserini, Agatha Moreira, Marisa Orth, Claudia Jimenez, Alexandre Borges, Carolina Ferraz, Chandelly Braz, Fernanda Vasconcellos, Betty Gofman e Werner Schünemann.
Tecnologia do Blogger.