Desesperada, Globo tenta explicar "Velho Chico"

Por: Vitor Nobre, 29/04/2016
Antônio Fagundes (Afrânio)
De olho no tombo que “Velho Chico” levou nas últimas semanas, a Globo resolveu intervir na trama apostando em romance, mais agilidade e realidade. Mas, enquanto Luiz Fernando Carvalho decide se acata ou não as ordens de seus superiores, a emissora carioca começa a tomar as primeiras providências para tentar reverter a queda livre que a novela de Benedito Ruy Barbosa vem sofrendo.

A primeira medida pôde ser notada nesta sexta-feira (29). Durante um dos intervalos de “Êta Mundo Bom!”, a Globo exibiu uma chamada explicando ao público o porque Afrânio (Antônio Fagundes), personagem bastante rejeitado na trama, pouco se parece com o mesmo, interpretado por Rodrigo Santoro na primeira fase do folhetim. 

O chamadão, no estilo desespero, tenta explicar ao público que o poder subiu a cabeça de Afrânio, o deixando extravagante, vaidoso, etc. A emissora também usou o seu narrador Dirceu Rabelo, para tentar convencer o telespectador de que no fundo o antigo Afrânio ainda está ali e, que o amor por Iolânda (Christiane Torloni) pode o trazer de volta. 

Basicamente, a emissora está preparando o terreno para as prováveis e drásticas mudanças pelas quais a novela deve passar nas próximas semanas  Explicando que o amor por Iolânda pode fazer Afrânio deixar de ser extravagante e vaidoso, a emissora não pega o público de surpresa quando as tais mudança forem implementadas. 

É bom a Globo ficar esperta quanto a rejeição do público. "Velho Chico" que muitas vezes fica abaixo de “Êta Mundo Bom!” e “Totalmente Demais”, pode ter uma dor de cabeça a mais nas próximas semanas. Isso porque a Record já estuda escalar “Escrava Mãe” para bater de frente com o folhetim de Bené, e aproveitando o momento fraco no horário e a audiência que será herdada de “Os Dez Mandamentos”, a trama tem chances de tirar alguns pontos da novela da Globo.

Veja também:
"Escrava Mãe" pode bater de frente com "Velho Chico"
Tecnologia do Blogger.