Confira as novidades e mesmices da nova programação da Globo neste mês de abril

Por: Guiga Bates, 01/04/2016
Mateus Solano e Ricardo Pereira como Rubião e Tolentino, respectivamente, estarão em "Liberdade, Liberdade"
Chegou abril, o tradicional mês em que a Globo lançará suas "novidades". Novidades entres aspas. Não tem tanta coisa assim que encha os olhos do telespectador. Exceto os inéditos, o resto é o mais do mesmo.

A partir do próximo domingo, o "Domingão do Faustão" estreia o "Escolha da Galera". Um game besta, nem me darei o trabalho de explicar. Já percebeu que os nomes dos quadros do Faustão, são meio parecidos? "Dança da Galera", "Tem gente atrás", "Na boca da Galera", "Galeria dos Famosos"...eu hein?

O "Fantástico" volta a apostar em produtos importados com a série "Tubarão - Rei dos Mares" ("Shark"), da BBC. A Globo tem tanto aparato e ainda não investe na mesma pegada em produzir documentários e série do tipo. Preguiça? Ainda no "show da vida", Marcio Attala volta na nova série "Treino Ideal".

Graças a Deus, o "Profissão Repórter" volta ao ar em novo dia e horário: às quartas-feiras, mais cedo, logo após o Futebol. Um injustiça o que fizerem com o Caco Barcellos e sua equipe ano passado. Tão tarde...

"Chapa Quente" retorna para sua segunda temporada no dia 7, com Ingridi Guimarães naquele mesmo papel de sempre de toda sua carreira, típico dela, e Tiago Abravanel, interpretando ele mesmo. Tem algumas novidade no elenco. Além da atriz Thalita Carauta, a Celma, entrar para o elenco fixo, Marcos Caruso estreia no seriado como pai de Marlene.

Depois de um descanso, o "Zorra", o reformulado, excelente por sinal, volta no dia 9 com novas esquetes e quadros.

No dia 10, a Globo apostará mais uma vez em musicais. Depois do sucesso "The Voice Kids", entra o "SuperStar" que foi remanejado para o período vespertino. Acho que desta vez não será pisado pela concorrência. Geraldo na expectativa.

No dia 11, a emissora estreia a primeira temporada da série norte-americana "Agentes da S.H.I.E.L.D." após o "Programa do Jô".

Nas terças, quem retorna também é "Mister Brau", com Lázaro Ramos e Taís Araújo, naquela série que deixa os racistas revoltados.

A maior novidade, agora assim, fica com "Liberdade, Liberdade", próxima novela das onze, ambientada no século XVIII, no dia 11. Pelas chamadas, lembra muito o filme de Tarantino, Django Livre (2012). Tiro, porrada e bomba. Vilões e mocinha revoltada. Pelo menos é o que parece. Que Mário Teixeira e Vinicius Coimbra não nos decepcione, senão eles é quem irão para forca.

Ainda tem o sofredor "Vídeo Show", que não cansa de passar por reformulações e trocas no elenco. Este mês será reforçado com novo cenário. O telespectador verá um glassstudio feito sob medida, em que toda a movimentação dos Estúdios Globo aparecerá ao fundo para que o pessoal de casa acompanhe tudo o que acontece por lá. Veremos se Maíra Charken e Rafael Cortez desencantam.

Empolgado?
Tecnologia do Blogger.