Nova apresentadora do "Vídeo Show" agrada, mas tem estreia forçada

Por: Guiga Bates, 15/03/2016

O "Vídeo Show", tradicional programa vespertino da Globo, tem nada mais nada menos que 33 anos de vida na telinha. Permanecer na TV por tanto tempo não é para qualquer um. Tudo bem que a audiência não é mais mesma, mas olhando bem, contrariando meu gosto, o "Vídeo Show" deveria sim permanecer no ar.

Pela lógica, a proposta da atração é certeira, cobrir os bastidores da Globo e falar de famosos. Não há o que exigir mais do que isso. Reclamar de que? Hoje está bem melhor, ressuscitou quadros antigos, momentos históricos da TV (da Globo) e ampliou a cobertura. Para quem curte a temática, tá de bom tamanho. Pior era na época do Zeca Camargo, que tinha tudo nas mãos para fazer um programa diferente, mas não soube lidar com tanta espontaneidade e afugentou o telespectador. Com Mônica Iozzi e Otaviano, o chato, a atração voltou aos moldes originais e ao mesmo tempo mais moderno do que nunca.

A própria Globo se flexibilizou a permitir citações de outros programas e nomes da concorrência. Diferente da concorrência, a Globo não precisa de tais referências para atrair audiência, é a concorrência que precisa dos "exclusivos" dela.

Otaviano tem suas peculiaridades, se está naquela bancada é por que caiu no gosto popular e foi aprovado pelo público do programa. Porém, é muito mala, precisa ser mais comedido. Sua chatice era ofuscada ao lado de Mônica. E sem a Mônica? 

Nesta segunda (14) a nova apresentadora Maíra Charken iniciou uma nova fase da atração ao lado de Otaviano. A novata tem bagagem, já fez de tudo um pouco no ramo do entretenimento. Como estreante de bancada e ao vivo, demonstrou está insegura no início e soou meio que forçada em algumas piadas e momentos. Maíra pode até negar, mas visivelmente tentou lembrar o jeito da Iozzi. Nada tão grave que a prejudicasse. O produto final agrada. Questão de tempo para se encaixar e tempo para o público se acostumar. Otaviano aproveitou-se da estreia de Charken e atraiu para si a atenção.

Maíra terá uma difícil missão pela frente, tentar não ser a nova Iozzi e ser ela mesma. Passando por cima disso, vai longe. Potencial tem.

O que você achou da nova apresentadora do "Vídeo Show"?
Tecnologia do Blogger.