Band segue empobrecendo programação com quiz interativo

Por: Guiga Bates, 27/03/2006
Gabi
Quase não acreditei quando sintonizei na Band nesta manhã de domingo (27) e me deparei com um programa independente chamado "Qual é o desafio?". Você lembra daquela época, não tão distante, em que alguns canais da TV aberta foram invadidos por Quiz interativos? Achei que tinham perdido o fôlego. Era tão costumeiro, principalmente na transmissão via parabólica.

Programas do tipo imploram por telespectadores, para que os mesmos interajam através do telefone.
Antes de participar dos joguinhos de palavras, que é o "foco" do programa, o telespectador responde várias perguntas na intenção de entrar ao vivo, resultando na elevação de sua conta telefônica e lucro para os criadores do game. Se o participante acertar o joguinho de palavras, ganha uma grana generosa. Ganha? Curioso é que os poucos que conseguem falar com a apresentadora nunca acertam, mesmo "com tantas dicas". E quando a ligação cai?

O mais irritante, além da fraude e enganação escancarada, é a apresentadora, de nome Gabi, que conduz o jogo. Uma louca que fala desesperadamente pelos cotovelos. É tão bizarro que a coitada quase se ajoelha, reza e chora para receber ligações. Por várias vezes disse ter sido abandonada pelo telespectador em pleno feriado. É tão insuportável que o próprio diretor que a conduz, pediu para ela calar a boca. Quando o telefone toca, a criatura surta! Chega a ser cômico.

"R$ 38.000,00 por um animal (dica)!!! Estou aqui desesperada!...Vai arredondar para R$ 40.000,00...ele (o dinheiro) está esperando por quem? Por aquele que pega o telefone...levante meu amigo! Desperta!...Será que tem alguém desse lado da telinha?", diz a exausta Gabi, enquanto exibe uma caixa abarrotada de notas.

No frenesi dos enquadramentos e câmera nervosa na cara dela, muito som e converseiro, quase enlouqueci junto com a apresentadora. Deus me livre!

E a Band segue empobrecendo sua programação e dia de domingo.
Tecnologia do Blogger.