Escondida no sábado à tarde, Globo desperdiça talento da Angélica


Por: Ton Estevão, 27/02/2016
Angélica

O sábado à tarde na TV aberta é uma tristeza. Parece que as emissoras disputam o título de pior programação do dia exibindo atrações como o jurássico “Raul Gil” no SBT, o brega “Ritmo Brasil” na RedeTV!, e enlatados ruins na Record e Band.

Neste dia infeliz da TV brasileira o programa “Estrelas” comandado pela apresentadora Angélica se mostra uma grata surpresa.

Espremido entre a “Sessão Comédia” e o “Caldeirão do Huck”. o programa é bem feito, inteligente, leve e descontraído. Diferente de outras atrações no horário, o “Estrelas” é uma ótima opção.

Grande parte do mérito do programa é da própria Angelica. Com 42 anos de idade, mais de 30 de carreira na televisão e apresentadora desde os 12 anos, a loira canta, atua e apresenta, além claro de “dar pinta”, sua marca registrada até hoje.

Em seu programa Angélica entrevista as maiores estrelas da Globo e do país com uma naturalidade e desenvoltura que muitos entrevistadores carimbados não possuem. É uma delícia de assistir.

A loira começou a carreira trabalhando com crianças, mas diferente de outras apresentadoras infantis conseguiu fazer uma transição bem sucedida para os programas adultos. Durante dez anos (2001-2011) apresentou com muito sucesso o quadro “Vídeo Game” do “Vídeo Show” e o reality “Fama”, além de diversas participações em séries e novelas.

Angelica é um dos rostos mais conhecidos e valorizados do mercado publicitário brasileiro e tem um dos maiores salários entre os apresentadores de TV.

A Globo está desperdiçando uma apresentadora tão completa escondendo a mesma em um dia e horário tão ruim.

Ela merece mais que comandar um programa de uma hora de duração às 14h do sábado e que apenas recentemente passou a ser exibido em rede nacional.

A senhora Huck teria qualificações de sobra pra apresentar qualquer atração da Globo, programas como o “Amor e Sexo”, o “The Voice”, o “Super Star” ou o próprio “Vídeo Show”. Após a saída de Mônica Iozzi, Angélica seria perfeita como apresentadora da atração. Ela poderia continuar inclusive com o seu programa aos sábados. Tenho certeza que seria um sucesso.

Esse ano a apresentadora irá comemorar 20 anos de Globo. Novos projetos seriam um presente. Mas parece não haver qualquer movimentação nesse sentido. Diretores avaliam de forma muito positiva a presença de Angélica na Globo e dizem estar muito felizes com ela, mas admitem não ter nenhum programa novo em andamento.

Enquanto a TV aberta esta cheia de apresentadores sem talento, mulheres de diretores e marido de atrizes que passeiam por diversos programas da grade, Angélica continua como uma joia escondida nos sábados da TV aberta. Um desperdício!

E você, concorda que Angélica tem sido mal aproveitada na Globo? Comente no Disqus.
Tecnologia do Blogger.