Em crise e mantendo uma programação precária, Band já pode fechar as portas

Por: Vitor Nobre, 23/02/2016



Não é de hoje que a Band exagera nos enlatados em sua programação. Enfrentando uma grave crise financeira, vem causando estranheza o fato da emissora dos Saad insistir tanto na série "Os Simpsons", que ás vezes chega a ocupar até cinco horários na programação do canal. A série animada tem espaço nas manhãs, tardes, noites e alguns dias, nas madrugadas da emissora. Parece que a Band enxerga nela, uma forma de sair do buraco em que a emissora se encontra.

Quanto mais a Band investe, mais ela se afunda. Em sua última grande contratação, Luíz Bacci não obteve os mesmos êxitos que o "menino de ouro" ostentava no canal dos bispos, sofrendo por baixa audiência e sem condições de manter o gordo salário do jornalista, a emissora rompeu amigavelmente o contrato com Bacci, que voltou com o rabo entre as pernas para a antiga emissora.

Outra decepção do canal, o CQC já vinha dando dor de cabeça há um bom tempo. A baixa audiência e falta de repercussão da atração não agradava o canal, além disso, o programa sofreu vários desfalques no seu elenco e acabou se tornando um peso na programação. No final do ano passado, a Band anunciou que a atração ficaria de fora da grade da emissora em 2016. Com essa estratégia, o canal pretende aliviar o desgaste da atração. Essa seria uma ótima solução para o "Pânico na Band", que nos últimos anos vem perdendo as forças e sofre algumas derrotas para a "Encrenca" da concorrência.

Diferente de algumas emissoras, apesar de poucos, a Band ainda consegue oferecer programas de qualidade, exceto os desastrosos "Pânico Na Band" e "Brasil Urgente". Programas como "O Mundo Segundo Os Brasileiros", "A Liga" e "Masterchef" são bem aceitos e tem boa repercussão. São programas por temporadas, e quando acaba? Um vazio na grade. Esse último, enche os olhos da concorrência que viu a emissora tomar a vice-liderança no horário e ainda beliscar a liderança algumas vezes.

Os telejornais e esportivos também merecem destaques e são ótimas opções no meio da maratonas de enlatados que são exibidos a exaustão na emissora. Mais ainda tá devendo. Quem sabe a parceria com a Turner faça o canal voltar a ser um boa alternativa entre SBT e Record.

A terrível grade da emissora deixa clara a má gestão do canal, que vem falindo e despencando em audiência. Incrivelmente "Os Simpsons" consegue atingir índices considerado bons para os padrões da emissora, porém nenhum anunciante quer ver seu produto sendo veiculados em enlatados. Por esse motivo a emissora pode se contentar com esta crise por mais um bom tempo, ou então, ela já pode fechar as portas.

Qual seria a solução ideal para a Band sair da crise financeira e entregar um programação que preste? Comente abaixo no Disqus
Tecnologia do Blogger.