"Balanço Geral SP" peca pelo excesso e destaque a celebridades

Reinaldo Gottino ao lado de Fabíola Reipert
Quando o Geraldo Luiz e Luiz Bacci apresentavam o "Balanço Geral SP" em suas respectivas épocas, a pegada do jornalístico já era bem ruim e confusa. Uma mistura de pautas policiais, sensacionalistas e assistencialistas. De anão, galo a fantasmas, o público via de tudo no esforço da Record de atrair audiência. O público no geral torcia o nariz pelo mau gosto apresentado em pleno horário de almoço. Eram tantos absurdos que a sensação era de vômito. Salientando que tem gente que gosta das imundices que a Record exibe na grade.

Atualmente Reinaldo Gottino comanda a atração e visivelmente o "BG" tem sofrido mais mudanças. A Record descobriu que falar de celebridades tem dado bom retorno. O quadro "Hora da Venenosa" com Fabíola Reipert ganhou mais destaque e mais tempo na atração. A jornalista já participa do programa há alguns anos bem antes do Gottino assumir a titularidade.

Veja também:
Fabíola Reipert ascende na Record ao destilar seu veneno

Só que esse excesso de notícias e destaque a celebridades já está passando da conta. Para se ter uma ideia, ao iniciar o programa desta quinta (21), Gottino esbaforidamente somente anunciou os destaques da edição do dia, a saber, as fofocas envolvendo personalidades na mídia. Não tinha outra coisa mais relevante e importante? Os blocos de notícias "normais" são embaralhados por anúncios de fofocas. Uma bagunça.

Durante todo decorrer do programa esses anúncios são feitos de forma maciça e repetitiva, deixando mais claro o quão fútil se consolidou o "Balanço Geral SP" e sua dependência das fofocas.  Para piorar, filiais da emissora tem usado uma espécie de franquia do quadro de fofocas. 

O telespectador não sabe se "BG" é a extensão do "Domingo Espetacular" ou "TV Fama", programas que abusam da temática celebridades. Gottino chega ao ponto de fazer sons vocais igual ao Nelson Rubens.

O "Balanço Geral SP" deveria assumir sua real identidade. Até então não dá para levar tal "jornalístico" a sério.

Comente abaixo no Disqus!

                                                                                     Por: Guiga Bates, redator-chefe do Detona TV
Tecnologia do Blogger.