Não só de reprises viverá o telespectador



2015 foi um ano de muitas inovações na TV brasileira, vimos o exemplo da ambiciosa e invejosa Rede Record, que ninguém dava nada abalar as estruturas da horário nobre. A emissora inovou trazendo ao público a primeira novela bíblica do mundo e garantiu ótimos índices. "Os Dez Mandamentos" mesmo arrastada num longo período de gestação conseguiu fazer o inesperado, vencer a Rede Globo que é considerada a maior emissora do País e a segunda maior emissora do mundo.

Enquanto isso...

Parece que com a façanha da Record, alguma outra emissora não conseguiu ou não deu importância a essa inovação e continuou colocando reprises repetitivas em sua grade, Isso mesmo, estou falando do SBT, vulgo "Mofo" ou "Viva da TV Aberta". A emissora de Sílvio Santos continua insistindo no erro de encher a grade de reprises repetitivas. Quantas vezes vimos "Maria do Bairro" na tela do SBT? Perdemos as contas. O que acontece é que o público clama por inovação e está claro que o SBT está longe de ser inovador.

Você também concorda que o SBT parece não ter jeito? Comente!

Coloborador: Pandora
Tecnologia do Blogger.